Seja bem-vindo à CG&Consultores

(35) 3471-1584 | (35) 3471-4311

Telecom

ANÁLISE DO SPECTRO DE FREQUÊNCIA E ESTUDO DE INTERFERÊNCIA ENTRE ESTAÇÕES DE RADIOENLACE

O SERVIÇO

Toda empresa que presta e usa serviços de telecomunicações e deseja instalar um sistema que usa radiofrequência como parte de sua rede, deverá obter o licenciamento na ANATEL. Só estão isentas de licenciamento as frequências de radiação restrita, pequenas faixas em torno de 900MHz, 2,4GHz, 5,8 GHz e 23 GHz quando usam potência máxima de 2W.

 

Como o espectro é limitado, quase já não existem frequências livres nas regiões mais densas no país. Desta forma é necessário usar frequências que já estão sendo usadas nas proximidades da instalação. Para que não haja interferências é então necessário fazer o ESTUDO DE INTERFERÊNCIA ENTRE AS ESTAÇÕES.

 

O estudo deve levar em conta o nível de cada sinal que chega à estação a ser instalada, proveniente das estações ao seu redor (geralmente num raio de 30 km). Este sinal varia de acordo com a estação em análise, a distância, a frequência, a potência instalada, a polarização usada, os equipamentos utilizados (sensibilidade do rádio, ganho e diretividade da antena), a localização das estações e a orientação das antenas.

 

O cálculo não é simples e devido à quantidade de vezes que tem de ser executado, o Estudo de Interferência entre Estações passa a ser uma tarefa muito árdua, que exige tempo e precisão.

 

 

Vantagens de fazer o Estudo de Interferência

Anatel não impede o licenciamento de estações interferentes, apenas disponibiliza no site a relação dos canais que estão liberados para licenciamento.

 

O REEDI, software proprietário usado pela CG Consultores, desenvolvido para executar os estudos de forma rápida e precisa, indica o quanto é viável o uso da frequência requerida.

 

Todos os cálculos são feitos digitalmente a partir do banco de dados da Anatel e o resultado é um arquivo na extensão KMZ, visualizável aberto através do Google Earth. Na plotagem, os resultados carregam informações sobre as estações, as frequências, as polaridades e os níveis interferentes (dBm) das estações de outras operadoras, num raio que abrange toda a área de influência do enlace estudado.

 

O Parecer indicará os canais com menor interferência, com dados de predição de potência de sinal das estações próximas, na entrada dos receptores das estações em análise, dando subsídio para a escolha da frequência de trabalho, levando em conta a necessidade do Cliente e os sinais interferentes em tempo hábil.

 

Pré-requisitos para realização do Estudo de Interferência

  • Endereço das estações
  • Coordenadas
  • Faixa de frequência
  • Equipamentos usados
  • Desempenho esperado do enlace

 

 

Fale com nosso consultor e solicite agora mesmo o seu Estudo!

contratar o serviço